Você já conhece os tipos de fabricação?

Existem muitos processos de fabricação que fazem parte do cotidiano industrial. Além disso, alguns procedimentos de injeção e ferramentaria são extremamente fundamentais para o sucesso desse setor que se expande a cada dia.

No artigo a seguir, acompanhe mais informações sobre o tema e saiba como as linhas de montagem e produção podem ser beneficiadas por diferentes processos de fabricação.

Chapas de aço

Materiais como ferro e aço são presença constante em uma série de segmentos dentro do ramo industrial, especialmente quando há uma demanda por produtos que ofereçam alta resistência e também uma vida útil mais prolongada em decorrência de sua durabilidade garantida.

Sendo assim, esses materiais podem ser encontrados também na construção civil e em diferentes situações estruturais que podem fazer parte do cotidiano de muitos setores.

As chapas de aço, por exemplo, possuem uma grande variedade de aplicações, o que as torna extremamente versáteis. Conforme o teor de carbono contido em cada placa, ela pode ser aplicada em uma determinada finalidade.

Independente dessa variação, no entanto, lá estão as chapas, feitas do mesmo material com o qual o setor industrial produz caixas de armazenamento que podem durar por décadas.

Um dos empregos mais recorrentes para esse produto é como material de base para que os componentes de um maquinário de produção possam ser desenvolvidos.

Por suas propriedades especiais, esse material de alta durabilidade torna-se ideal para aplicação nas fábricas durante a produção de:

  • Engrenagens;
  • Parafusos;
  • Porcas;
  • Demais componentes que necessitam de resistência.

Isso porque os itens mencionados fazem parte de um grupo que sofre muito desgaste durante a sua utilização e, dessa forma, deve ser protegido contra impactos e demais processos que podem prejudicar seu funcionamento a médio e longo prazo.

Chapa de aço carbono preço pode variar conforme o tamanho, a espessura e a aplicação, por isso é muito importante observar a demanda antes de fazer a escolha do produto.

Nos projetos da construção civil, as chapas também são importantes quando o assunto é a fabricação de pontos, navios e edificações.

Além disso, muitos modelos de suporte podem ser criados a partir de seu uso, já que elas são altamente resistentes e conseguem fornecer a fixação devida em muitos procedimentos, aumentando consideravelmente a resistência da própria estrutura em questão.

Moldes plásticos

Ferramentaria de moldes plasticos é uma etapa muito importante na projeção e confecção de moldes que serão utilizados posteriormente na fabricação de diferentes peças plásticas por meio do método realizado pela injetora.

A necessidade de desenvolver peças de plástico nos segmentos industriais, é que elas estão comumente presente em diversos materiais industriais como:

  • Indústria moveleira;
  • Indústria automobilística;
  • Fabricação de artigos para escritório;
  • Peças de banheiros químicos.

Tudo começa quando um profissional capacitado projeta a peça conforme as necessidades do cliente e, a partir disso, é possível pensar na obtenção final dessas peças por meio do uso dos moldes e do métodos conhecido como injeção.

Já para a criação dos moldes, se faz necessário o uso de impressoras 3D, que facilitam o trabalho industrial.

Depois disso, basta que o polímero em questão seja aquecido até uma temperatura em se torne absolutamente flexível e moldável, sendo escorrido sobre os moldes como em uma receita de biscoitos.

Assim como o calor faz com que a massa mole se transforme em um biscoito, é a refrigeração que, posteriormente, irá desaquecer o material e fazê-lo ficar no formato do molde do qual ele foi retirado.

Para os serviços de ferramentaria e também para a Injeção de peças plásticas é fundamental contar com softwares de qualidade e programas voltados para o melhor desempenho do equipamento.

Além disso, as etapas de projeção e confecção devem estar sempre acompanhadas por profissionais habilitados, técnicos especializados na produção tanto dos moldes quanto das peças.

Isso ocorre porque somente esse processo vai garantir um controle de qualidade mais seguro e eficaz.

Vale lembrar que existe uma série de normas regulamentadoras desses processos de produção e todas elas precisam ser criteriosamente seguidas para que os produtos sejam de alta qualidade e não apresentem prejuízos.

Garantir a qualidade do equipamento auxilia a empresa de forma a evitar prejuízos e futuros problemas por conta do funcionamento inadequado ou da fabricação negligente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *