Quais são os equipamentos para movimentação de cargas?

O ambiente industrial é muito movimentado, e tão grande e desenvolvido, que dentro de seu armazem, fábrica, ambientes e afins, há diversos tipos de serviços que visam cada um em ajudar diferentes funções.

Em outras palavras, para que o produto que você compra esteja disponível como sempre, ele passa por diversos locais e etapas dentro de seu local de produção, pois necessita de muito cuidados e detalhes.

Uma das áreas mais importantes e essenciais após a produção estar terminada é a parte da logistica, a qual iremos explicar a seguir.

A logística da indústria e suas características

Definida como o processo de planejar controlar e fazer de forma eficiente todo o transporte e movimentação, além do armazenado de cargas, a logística garante que todos os ciclos sejam feitos em prazos e datas planejadas anteriormente.

Alguns de seus serviços são:

  • Armazenar;
  • Transportar;
  • Movimentar;
  • Coordenar processos;
  • Acompanhar datas de entregas;
  • Relacionamento com fornecedores e compradores;
  • Entre outros.

Enfim, essa função é responsável pela eficiência do negócio e pelo fechamento de mais parcerias e trabalhos, pois passará a confiança que possui para os pontos de venda em que atua.

É importante que quanto maior for o seu negócio, mais trabalhada ela seja, pois, alguns pontos são importantes de serem reforçados, como a comunicação eficiente da equipe entre todos os envolvidos, planos à parte caso ocorra algum incidente e também um enorme e rigorosos controle de processos.

E para que tudo isso ocorra bem, esse processo deve passar por cargas e descargas, mas como a maioria dos produtos são em grande quantidade e muito pesados, alguns equipamentos de movimentação e armazenagem de materiais são usados de forma específica e muito cuidadosa.

E para que você saiba um pouco mais sobre esses tipos de carregamentos e equipamento usados nesse ambiente, iremos explicar os mais usados e como eles funcionam nesse universo.

Equipamentos para elevação e movimentação de cargas

Para que a gestão possa atuar com mais rapidez, há alguns tipos de ferramentas modernas utilizadas diariamente em ambientes como esse.

Um dos mais usados são:

  • Empilhadeiras;
  • Transpaletes;
  • Guindastes;
  • Esteiras transportadoras.

As empilhadeiras são as principais quando falamos de transportes e armazenagem. São equipamento que carregam e descarregam mercadorias leve e pesadas mais rápida e facilmente.

Ela pode ser retrátil, manual ou elétrica, mas ajuda muito no momento de necessidade, principalmente porque ela é muito resistente e seu corpo proporciona um carregamento muito maior em uma única vez, poupando esforços físicos.

Já o transpalete é usado para deslocar materiais de forma ordenada, facilitando a vida de quem trabalha dentro de um estoque. Seu trabalho é feito em movimentações horizontais e não são muito bons para altura.

Já os guindastes vêm junto com a cinta de elevação de carga, feita de poliéster, que se amarra ao corpo do produto para que sua levitação com a grua ou materiais relacionados possa ser segura e facilitada.

Elas são feitas de um material totalmente resistente, são impermeáveis e ainda resistem ao fogo. São muito modernas e possuem uma enorme duração, podendo substituir até mesmo o cabo de aço.

Por fim, as esteiras transportadoras permitem que os trabalhos de grandes dimensões possam ser feitos com mais agilidade, rapidez e segurança. Ninguém necessita carregar as cargas, somente controlar o funcionamento da máquina.

Equipamento de segurança individual

Um dos pontos mais importante em todo esse meio, é a necessidade em fazer uso do EPI (equipamento de segurança individual).

Ou seja, todos os funcionários que trabalham com armazenagem e carregamento de cargas necessitam se proteger, pois trabalham com cargas pesadas.

Além disso, qualquer risco como quedas, quebras ou vazamentos de produtos não será problematizado se todos os trabalhadores estiverem protegidos, isto é, que saúde e integridade física de cada indivíduo não sofra dano algum.

Esses materiais são necessários e aulas e treinamentos são dados para que eles sejam usados corretamente, como o cinto de segurança EPI, capacetes, botas, luvas, óculos, entre outros equipamentos que podem ser pedidos.

Enfim, o EPI é necessário para que o lugar seja atuado sem nenhum risco à integridade de algum funcionário.

Dessa forma, pode-se concluir que os equipamentos de proteção são essenciais, pois podem evitar situações de alto risco, ou seja, o colaborador ficará resguardado em todos os aspectos relacionados. Para mais informações, contate profissionais especializados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *