Organização em um laboratório

A organização é um dos principais pilares para um bom funcionamento em diversos setores e quando se trata de um laboratório, os cuidados devem ser redobrados.

Afinal, independentemente, do setor do laboratório, são locais de extrema importância para análises e manuseio de informações de grande valor, como na área da saúde.

Assim como deve existir a organização de tarefas e informações nesses lugares, é necessário implementar elementos adequados para o funcionamento, o que envolve a operação, armazenamento, coleta de dados, entre outros aspectos.

No que diz respeito aos materiais utilizados, especificamente nos móveis, a presença do aço inox é muito comum em diversos laboratórios e em outros setores, como o armário em aço inox para cozinha industrial.

Isso se deve ao fato de que o material apresenta grande resistência, facilidade de higienização e promove maior praticidade no manuseio e armazenamento de diversos itens.

Além do uso em cozinhas industriais, o armário pode ser colocado em laboratórios e é disponibilizado em modelos variados, por exemplo, com portas em aço inox, divisórias, gavetas e portas de vidro. Ao procurar por esse item, é crucial que as finalidades da utilização sejam consideradas.

Como é a organização de reagentes químicos?

Em processos que exigem reações químicas, como análises e preparo de amostras, a aplicação de estimuladores e potencializadores é fundamental para viabilizar a execução adequada de cada processo.

Esses componentes recebem o nome de reagentes para laboratório e se dividem em diversos tipos, tais como:

  • Para Análise (P.A.): direcionados para processos mais exigentes;
  • Puros: ideais para preparos comuns;
  • Técnicos: aplicados em fins industriais, sem um grau de pureza elevado;
  • Grau alimentício: usado na indústria de alimentos como aditivos intencionais.

Basicamente, os reagentes são constituídos por substâncias químicas variadas, que, em grande parte dos casos, podem representar grande perigo para a saúde. Dessa forma, é fundamental garantir não apenas uma manipulação adequada, como o armazenamento.

Problemas na estocagem podem estar relacionados predominantemente com a variedade de reagentes e a ausência de organização.

Por esse motivo, estabelecer um armazenamento que conte com planejamento e especificações adequadas de cada item, é capaz de evitar grandes danos e acidentes. O uso de armários adequados para essa finalidade, com prateleiras numeradas pode contribuir com essa questão.

Conheça alguns instrumentos aplicados

Ao falar de instrumentos aplicados neste tipo de cenário, as vidrarias para laboratório são muito visadas, pois são instrumentos direcionados para análises e preparo de amostras.

Sendo assim, se pode dizer que devido a versatilidade, são muito comuns. É importante que esse item seja completamente transparente e apresente uma formação adequada, caso contrário, os resultados podem ser comprometidos.

O mesmo se enquadra ao abordar os misturadores, que são imprescindíveis para dissolver, homogeneizar e desintegrar substâncias. Neste caso, é crucial que as hélices sejam estáveis para garantir uma boa performance.

Afinal, são itens fundamentais para atender os mais variados processos, como os tanques misturadores industriais, que podem apresentar um porte maior do que alguns itens aplicados em laboratórios de medicina, mas atendem o mesmo princípio: misturar com praticidade e agilidade.

Além de itens que estão diretamente relacionados com o preparo de amostras e análises, há outros instrumentos que são direcionados para o controle de qualidade e medições precisas, como o refratômetro portátil, que é muito comum no setor alimentício e da saúde.

É um dispositivo digital muito usado em substâncias com média ou alta concentração para medir a concentração de açúcar, salinidade e entre outras propriedades.

Qual é a importância da ponteira para pipeta?

Antes de apresentar a ponteira, é válido abordar que tanto pipetas quanto micropipetas são instrumentos cruciais em laboratórios, pois são aplicados para a medição e transferência de líquidos entre recipientes.

Devido a essa funcionalidade, se trata de um dispositivo com estrutura confiável, ideal para produção e análises, uma vez que auxilia na precisão.

No caso da ponteira para pipeta, é um elemento de grande importância para evitar que o material manuseado respingue ou até mesmo derrame totalmente em qualquer tipo de superfície, o que poderia ser perigoso ao considerar determinadas substâncias trabalhadas.

É importante dar ênfase a questão de que não basta somente garantir móveis e produtos adequados para a organização de itens de laboratório, é preciso que de fato exista cautela na separação de cada item, com as devidas especificações e respeito às particularidades de armazenamento adequado, que devem atender às normas vigentes compatíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *