O que é uma fresadora?

Uma fresadora é classificada como horizontal ou vertical, há muitas atividades que uma máquinas dessa pode realizar, sendo elas moldar, perfurar, rotear e entre outras diversas atividades.

A máquina fresadora é mais utilizada na moldagem de metais, mas também vale ressaltar que a mesma pode moldar outros tipos de produtos sólidos.

De acordo com um site de pesquisas: “A fresadora é um equipamento de movimento contínuo, voltada a usinagem de materiais, removendo cavacos por intermédio de uma ferramenta de corte conhecida como fresa.”

Resumidamente, é uma máquina que pega uma peça inteira e vai cortando até formar algo específico.

As fresas são ferramentas de corte semelhantemente a brocas e furadeiras, que através do seu movimento rotativo, sua locomoção em um certo plano é usado para cortar, desbastar, perfurar, entalhar os materiais. Na produção, uma das máquinas-ferramentas essenciais é a fresadora.

No mercado encontramos algumas fresadoras que são mais direcionadas na realização de certas atividades, para encontrar a máquina de fresagem mais adequada para utilizar, é muito importante entender cada categoria de fresadora, de modo geral, existem dois tipos categorizados de fresadoras, são elas as horizontais e as verticais.

As fresadoras verticais

No mercado industrial atual, encontramos dois modelos populares de fresadoras verticais, uma dessas é ajustada da maneira que o fuso pode locomover-se em paralelo ao seu próprio eixo, entretanto, a mesa pode mover de maneira contrastada perpendicular ao eixo do fuso.

De uma forma, a instalação do moinho de corte é tal que o fuso continua estacionário ao decorrer das operações de corte, enquanto a mesa pode locomover-se em todas as direções, mesmo seu pequeno porte, é considerado o modelo mais versátil do mercado.

As fresadoras horizontais

Os moinhos horizontais têm os cortadores instalados horizontalmente em um mandril em toda a mesa, através desse ajuste, as peças são abastecidas no mínimo de três eixos, mesmo que a moagem lateral seja realizada por esses moinhos, que são popularmente utilizados no corte final e facial.

Porém uma das principais desvantagens dessas usinas é a grande quantia de controles que fazem o funcionamento desses moinhos relativamente mais devagar.

Há alguns pontos cruciais a serem levados em consideração ao comprar a fresadora, nesse caso, a fresadora horizontal possui direção de fresagem, velocidade de corte, taxas de abastecimento e lubrificação.

O direcionamento é essencial porque atinge o funcionamento da usina e a qualidade de seus mecanismos, as velocidades de corte devem estar de acordo com o modelo de material e o cortado, fora isso, as velocidades também precisam estar coerentes ao modelo de operação que é empregue nas usinas.

O que pode ser feito com o uso das fresadoras?

Ao andar pela rua você pode analisar os letreiros, ao passear por esses lugares uma grande parte de lojas possuem fachadas com enormes banners, no shopping center, por exemplo, muitas lojas de grife dispõem de grafismos e letras desenhadas e fixadas no letreiro.

O efeito desses letreiros criados dessa maneira, possuindo um aspecto 3D chama muito a atenção, é uma coisa fina e muito chamativa, sendo de um valor mais elevado que as faixas populares que vemos nas ruas.

No interior de residências, tem sido normal a utilização das peças em madeira, formando gravura e mosaicos. Muitas pessoas acham incríveis esse tipo de decoração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *