Disposição elétrica industrial garante eficiência e segurança

O ambiente industrial é formado por diferentes máquinas, ferramentas e equipamentos que são usados para a transformação de insumos e matérias-primas em produtos devidamente acabados, destinados para o mercado consumidor.

Os profissionais que atuam nessa área também são variados, com diferentes especializações, e cada um com a importância devida nos mais diversos setores.

Do chão de fábrica até a diretoria, todos empregam seus conhecimentos para garantir a produção industrial e a demanda voltada para públicos-alvos específicos.

Tudo isso em conformidade com a especialização de desenvolvimento, os objetivos, a visão e a missão de cada segmento, que são múltiplos e variados. Dentre os segmentos industriais pode-se destacar:

  • Alimentos;
  • Agronegócio;
  • Automobilístico;
  • Farmacológico.

Desse modo, as empresas que trabalham no setor de montagem de indústrias precisam adaptar os projetos de acordo com as necessidades de transformação, com adaptações eficientes e práticas, garantindo a segurança patrimonial e de toda mão de obra envolvida.

Esse trabalho se dá desde a chegada da matéria-prima até a saída para os centros de distribuição, pontos de venda, gôndolas e prateleiras de estabelecimentos comerciais.

Instalação adequada atende toda área industrial

Entre diversos cuidados que devem ser tomados em uma montagem industrial, a viabilidades dos procedimentos industriais abastecidos pelo sistema de energia elétrica devem garantir a produção de uma forma generalizada, com aplicação de elementos de segurança para todo o ambiente.

A contratação de empresas especializadas é necessária, pois há profissionais capacitados para desenvolver e aplicar o projeto eficiente a partir do quadro de fornecimento de energia instalado pelas concessionárias públicas e privadas.

Para segurança dos usuários e o funcionamento pleno das máquinas e ferramentas, a montagem de painéis elétricos é obrigatória para que os operadores possam controlar, monitorar e até mesmo particionar a energia elétrica em diferentes ambientes.

São diferentes pontos de distribuição de energia, englobando a iluminação artificial, a disponibilidade de tomadas e interruptores, além de sistemas de refrigeração e climatização ambiente.

Uma equipe profissional deve garantir as instalações presentes no ambiente industrial, já que máquinas e ferramentas elétricas dependem de voltagens e amperagens distintas, além da aplicação de laudo de sistema de proteção contra descargas elétricas, reforçando a segurança patrimonial contra surtos e curto-circuitos.

Após a montagem de painéis elétricos industriais, os profissionais responsáveis pela segurança do trabalho devem verificar se todas as normas regulamentadoras determinadas pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) foram implementadas de maneira correta.

Manutenção regular impede queda de energia

Os sistemas implementados em um ambiente industrial são desenvolvidos de acordo com as necessidades de operação de uma linha de produção.

Dessa forma, muitos processos podem ser aplicados de maneira extraordinária, conforme a presença dos modelos de máquinas industriais e a precisão empregada em equipamentos automatizados.

Para garantir a segurança dos operadores e de todo o processo de produção, quadros elétricos montados em ambientes distintos agrupam as diferentes fontes de energia, como o abastecimento das concessionárias ou de geradores movidos a combustível fóssil.

Em estruturas voltadas à sustentabilidade já há projetos que contam com o abastecimento de energia elétrica promovido pela energia limpa, como a solar e a eólica.

Nesses casos, os circuitos de distribuição devem possuir indicativos próprios, garantindo o abastecimento pleno em períodos específicos.

De todas as formas, os paineis eletricos montados dentro de uma ambiente industrial são essenciais para a distribuição dos mais diferentes circuitos, como iluminação, tomadas, interruptores, além de sistemas de segurança, como câmeras e cercas elétricas. Isso sem esquecer as máquinas e ferramentas essenciais para o funcionamento das linhas de produção.

Estruturas regulam emissão de gases no ar

A proteção à natureza é uma realidade no cenário industrial, sob a responsabilidade da legislação ambiental promulgada pelo governo federal ao fim do século XX e início do século XXI.

Dessa forma, a substituição de equipamentos poluentes passou a ser uma necessidade em todos os empreendimentos industriais.

A coleta de partículas poluentes provenientes da queima de combustível e na transformação de diferentes matérias-primas ficou sob a responsabilidade de adaptação de um lavador de gases industriais empregado nas típicas chaminés presentes em zonas industrializadas.

Esse equipamento é formado por uma câmara desenvolvida para a coleta de partículas em conjunto com a ação de água pulverizada, empregando procedimentos mecânicos de eliminação de gotas e resíduos em um sistema seguro.

A higienização deve ser realizada de tempos em tempos e de maneira correta, dando os fins apropriados aos materiais, conforme a legislação permite.

Assim, o lavador de gases industrial está presente nos mais diferentes processos de transformação, com perfis adequados à atividade ou demanda de cada segmento, promovendo eficiência e a segurança para todo o setor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *