Conheça equipamentos úteis para trabalhos simples

Em um mundo que há uma presença cada vez maior de profissionais que fazem trabalhos manuais de uma maneira simples e rápida, a caixa de ferramentas, tão comum nas famílias dos anos 1990, parece cair no esquecimento.

Porém, possuir equipamentos e utensílios de fácil manuseio pode ajudar qualquer inexperiente em trabalhos simples, solucionando problemas e até ajudando a montar móveis, por exemplo.

Afinal, nada mais desagradável do que ter que recorrer a facas ou outros apetrechos que não foram criados e adquiridos para aquela finalidade.

Mas quais os benefícios de adquirir esses equipamentos?

  • Não incomodar o zelador por coisas simples;
  • Solucionar tarefas básicas em horários inesperados do cotidiano;
  • Possuir ferramentas que auxiliem na solução de problemas;
  • Evitar desperdícios, acidentes ou, até mesmo, despesas maiores.

Para aqueles que escutam algum termo relacionado ao tema e já vão correndo para a aba de pesquisas do Google digitar “lima ferramenta”, ou outro termo do gênero, um verdadeiro guia de sobrevivência de utensílios é fundamental.

Para quem quer fugir do básico e ter um bom material de suporte para todas as horas, aproveitando as opções disponíveis no mercado, a lista a seguir apresenta algumas ferramentas indispensáveis:

Diferentes tipos de chaves de fenda

A maior parte de utensílios, tanto em casa como no escritório, são compostos por parafusos.

Por isso, a chave de fenda se configura como elemento indispensável dentre os equipamentos úteis: ela serve para afrouxar ou apertar as peças.

Porém, há diferentes formatos de parafusos e, por isso, de chaves.

Fazer a utilização correspondente entre cabeça e chave é fundamental para a sua manutenção, assim como não utilizá-la como outro utensílio como o martelo, por exemplo.

Além disso, é aconselhado que se faça a lubrificação das chaves periodicamente para manter o metal preservado de oxidações e guardá-las em lugar seco também contribui para a sua durabilidade.

Furadeira: melhor amiga da caixa de ferramentas

As furadeiras têm, como função essencial, a realização de furos nos mais diversos tipos de material.

Por isso, na hora de comprar, é necessário prestar atenção a variáveis como potência e acessórios.

A melhor opção, porém, depende do uso no dia a dia: existem, no mercado, opções que variam entre R$60 e R$4 mil.

Além da melhor escolha de uma furadeira para uso doméstico, o usuário também precisa se atentar para a compra de brocas que serão utilizadas e o tipo de material correspondente a cada uma delas.

A seleção adequada oferece um furo mais eficiente sem forçar desnecessariamente a máquina.

A peça pode ser encontrada em variações como, por exemplo, broca de concreto, brocas para metal, broca para madeira.

Limas

A lima é uma espécie de lixa que serve para desgastar metais.

No mercado, estão disponíveis as limas bastardas, que afinam, e as limas murça, destinadas ao acabamento.

Fabricadas com tamanhos e formatos diversos, esse tipo de ferramenta pode ser triangular, quadrada, chatas, dentre outras.

Serra elétrica tico tico

Considerada uma das mais populares ferramentas elétricas, esse tipo de serra é de fácil manuseio e serve para ser utilizada em pequenos detalhes.

Ela é capaz de fazer cortes retos e curvos e rasgos, por exemplo. A serra tico tico é uma verdadeira peça-chave no kit: materiais como madeira, metais, plásticos, cerâmicas e até azulejos podem ser cortados pela ferramenta.

Considerada versátil pelos profissionais, ela consegue executar o trabalho de outros utensílios, como serra de fita, com segurança e precisão, quando bem utilizada.

Tupias

Já para quem deseja investir em materiais para marcenaria, as tupias são a recomendação: a ferramenta robusta é utilizada para acabamentos em móveis.

Detalhes arredondados, entalhes e molduras são algumas das atividades que se consegue fazer com a máquina elétrica.

Dentre os acessórios que acompanham o trabalho dessa ferramenta estão as fresas: essas peças possuem diferentes finalidades e servem, basicamente, para dar dimensão ao corte.

Nos formatos mais usuais de fresa para tupia, podem ser encontrados tipos como a fresa reta, a fresa para chanfro e a fresa para rasgo.

É importante destacar o uso de cada ferramenta para a finalidade pela qual ela foi planejada, seja um martelo comum ou uma máquina mais sofisticada: saber para o que cada coisa serve ajuda a prevenir acidentes e otimizar o tempo gasto com as atividades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *