Componentes eletrônicos: o que é necessário na indústria?

O principal objetivo dos componentes eletrônicos através do auxílio da tecnologia é criar ferramentas que sejam capazes de fabricar o melhor produto com uma menor taxa de custo, melhorando a produtividade.

Além de aumentar a produtividade, pode reduzir os custos de sua produção, chegando a até melhorar a qualidade final do item.

Outro motivo é assegurar e melhorar as condições de trabalho dos profissionais, aumentando a segurança e eliminando riscos com tarefas perigosas.

Operações que teriam mais dificuldades de controlar os equipamentos manualmente, e fornece uma quantidade expressiva de produtos disponíveis, sendo possível fornecer o necessário, de acordo com o trabalho realizado.

Os componentes eletrônicos têm como objetivo transferir funções que, inicialmente, seriam realizadas por pessoas, manualmente para a automação, através de tecnologia, mantendo sempre a qualidade e segurança.

Cada vez mais segmentos de produção industrial, de diversos nichos, pedem novos componentes e aparelhos, como:

  • sensores;
  • controladores;
  • circuladores de ar;
  • aquecedores.

Antes, esse tipo de equipamento era de uso exclusivo de grandes empresas de controlavam individualmente cada fase e processo durante a produção de produtos.

Porém, cada vez mais esses sistemas estão passando a serem mais abertos e com capacidade de atingir uma maior quantidade de processos otimizando o funcionamento de toda a empresa.

Hoje, é basicamente dividido em duas partes a operacional e a de controle.

A operacional que meche diretamente com os processos e é um feita a partir de um conjunto de elementos que fazem a máquina se movimentar de acordo com a necessidade do operador.

Já a segunda, é onde programação se torna possível no sistema.

O Arduino, é um bom exemplo, trata-se é uma peça que possui uma quantidade considerável de sensores e componentes que podem ser utilizados em diversos tipos de projetos, sua lista de aplicações é grande além de poder ser usado em muitos segmentos diferentes.

Grande parte do material utilizado está disponível em módulos, que são compostos por pequenas placas e possuem sensores e outros componentes auxiliares como por exemplo capacitores, resistores e leds.

Um jeito pratico de encontrar esse tipo de produto é procurar no Google “arduino comprar”.

Tipos de sensores

Hoje no mercado existem diversos tipos de sensores para diferentes aplicações. Os sensores industriais podem ser: Sensores de Pressão, Sensor de Temperatura, Sensores de Nível, de Vazão e muitos outros.

Os sensores indutivos, também conhecidos como sensores de proximidade, são dispositivos feitos para o ambiente industrial que auxiliam na detecção de partes e peças em metal não só de ferro ou aço, como também alumínio, aço inox e latão.

Os Sensores Capacitivos são capazes de detectar qualquer tipo de massa, e são usados onde há a necessidade de identificar materiais não metálicos como madeira, plásticos e resinas, também são empregados na detecção de níveis de líquidos.

Os Sensores Fotoelétricos aumentam a precisão da detecção sem necessidade de contato físico e são capazes de detectar não apenas partes separadas e peças de máquinas, mas também os produtos presentes dentro da linha de produção.

Sensores ópticos para fibras, são modelos micro processados de sistema de detecção da fibra por barreira ou fotosensor. As Lentes opcionais podem ser usadas para diversas aplicações. Os sensores laser têm alta sensibilidade e precisão se comparados aos sensores fotoelétricos.

sensor de temperatura é um responsável pela medição que detecta a temperatura a partir de características físicas respectivas ao dispositivo.

Além de poder manipular a temperatura do ambiente através de um controlador de temperatura digital e de resistência elétrica, ou radiação térmica sendo que a seu desempenho depende da propriedade física que constitui este.

Sensores podem ser encontrados em diversos tipos de comércios especializados em empresas, indústrias e em alguns casos, equipamentos de segurança, e sua instalação é feita por empresas especializadas nesse tipo de componentes, pois a instalação feita de maneira irregular, pode prejudicar o desempenho do aparelho e inclusive impedir seu funcionamento.

Chave catraca

chave catraca, apesar de ser um equipamento manual, permite ao usuário apertar um parafuso repetidamente sem a necessidade reposicionar a ferramenta todo tempo.

Uma catraca interna mantém a cabeça do parafuso no lugar, enquanto o braço da chave é movimentado.

Isso faz com que o operador sinta uma menor fadiga nos braços e mãos e diminui também o risco de escapar e causar ferimentos, além de facilitar o trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *