Como a manutenção pode auxiliar os processos industriais?

A manutenção industrial é uma ação necessária para toda e qualquer indústria dos mais variados segmentos de atuação. No caso, a manutenção é necessária para garantir o funcionamento adequado dos equipamentos industriais utilizados nos processos produtivos, bem como para a própria instalação dentro do espaço.

Entretanto, muitas pessoas deixam de lado a manutenção por desconhecerem como essa atividade pode auxiliar no seu trabalho.

Pensando nessa questão, o texto a seguir tem o intuito de mostrar como a manutenção pode auxiliar e potencializar os processos industriais.

Qual a importância da manutenção?

A manutenção industrial tem o objetivo principal de estender ao máximo a vida útil de uma máquina por meio de atividade realizadas para restaurar ou simplesmente manter o estado de uma peça, um componente ou da máquina inteira.

A importância fundamental da manutenção é, de longe, a sua capacidade de poupar muito dinheiro das empresas.

Isso porque, uma indústria que não faz manutenções constantes nas suas máquinas está fadada a ter o seu processo produtivo interrompido em algo momento, o que resulta em prejuízo.

Além disso, a manutenção, muitas vezes, acaba sendo mais barata do que a troca de peças, componentes ou equipamentos inteiros que ficam totalmente prejudicado no caso de defeitos.

A manutenção de fornos industriais

Para mostrar um pouco de como a manutenção pode aparecer dentro dos ambientes industriais, podemos citar o forno industrial.

Este equipamento, como o seu nome deixa indicado, é capaz de atingir temperaturas elevadíssimas, podendo ser utilizado em uma série de processos, tais como:

  • Fabricação de cerâmica;
  • Produção de alumínio;
  • Derretimento de metais;
  • Torrefação de lúpulo para cerveja;
  • Entre outros.

Apesar dessas diversas especialidades, os fornos industriais não são itens genéricos: o funcionamento deles e a sua estrutura dependem da função que está sendo exercida pelo forno.

Para gerar esse efeito, os fornos industriais precisam ser revestidos com materiais especiais, os quais são capazes de garantir a qualidade da operação do equipamento e a segurança dos trabalhadores. Contudo, a falta de manutenção nos fornos pode fazer com que ele possam facilmente provocar acidentes graves.

Um bom exemplo disso é o queimador forno industrial. Este componente, utilizado para processos térmicos dos fornos industriais, deve estar constantemente passando por manutenções tanto preventivas quanto corretivas.

Já que, caso contrário, este item pode se tornar responsável por acidentes como incêndios e explosões dentro dos prédios industriais, provocando impactos negativos graves. Portanto, é sempre importante lembrar de não brincar com fogo.

Os compressores de ar

O compressor de ar é um dos equipamentos mais utilizados dentro da indústria e de diversos outros setores, tais como as indústrias automobilísticas, de equipamentos agrícolas e atividades na construção civil.

Os compressores de ar possuem a tarefa de oferecer uma fonte contínua de ar comprimido, o qual consegue fornecer força o suficiente para fazer outros equipamentos funcionarem, tais como:

  • Grampeadores;
  • Cortadores;
  • Lixadeiras;
  • Retificadeiras;
  • Chaves de impacto;
  • Pistolas para pintura;
  • Furadeiras;
  • Entre outros itens para linhas de produção industriais.

Portanto, é possível perceber que os compressores de ar possuem uma utilidade bastante ampla dentro dos ambientes industriais, a qual só pode ser mantida através da manutenção adequada do equipamento.

Nesse sentido, algo necessário para as empresas que fazem uso dos compressores é contratar uma assistência técnica especializada para casos de defeitos e mal funcionamento do equipamento. Na maioria das vezes, deve-se realizar a troca de uma peça para compressor dentre várias que este item possui.

Além disso, é possível tomar algumas precauções, tais como verificar a cada semana o nível do óleo de lubrificação do compressor, limpar constantemente este, verificar a tensão das correias, desenvolver um cronograma para ocorrer a vistoria dos compressores pelos técnicos, etc.

Outras informações importantes

Algo que muitas pessoas se esquecem é que a manutenção não é somente cuidar das peças e da troca delas, mas também cuidar da limpeza do equipamento.

Por isso, dietanolamida de ácido graxo de côco, uma substância necessária para a produção de sabões, shampoos e detergentes, pode ser utilizada para a limpeza adequada e neutra de equipamentos industriais, livrando os seus sistemas de detritos que podem ser prejudiciais.

Além disso, existem ainda outras substâncias cuja intenção principal é proteger as partes metálicas das máquinas. Esse é o caso da pintura eletrostática, capaz de gerar uma película protetora ao redor da superfície aplicada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *