3 tipos de medidores industriais

Os medidores industriais são extremamente importantes para uma série de processos que facilitam o cotidiano nas fábricas e possibilitam a produção de inúmero tipos de itens e materiais sem os quais o mundo contemporâneo não seria como é hoje.

Por isso, é fundamental conhecer bem sobre esse tipo de equipamento e utilizá-lo da maneira mais adequada de acordo com as demandas de medição.

Outra dica que não pode ficar de fora é calibrá-los com a frequência exigida pela fabricante.

Continue acompanhando este artigo para conhecer 3 medidores que fazem toda a diferença para o setor industrial.

Além disso, saiba como cada um deles funciona de forma a proporcionar precisão, agilidade e segurança aos variados procedimentos onde são utilizados.

Medidores de vazão

sensor de pressão é muito utilizado para medir a vazão em diversos processos importantes para as fábricas e indústrias em geral.

Assim, é possível realizar a medição de uma ampla diversidade de fluidos e garantir a precisão ao demarcar a pressão de líquidos e gases.

Por isso, é preciso contar sempre com equipamentos de qualidade, que ofereçam o melhor desempenho e a mais alta eficiência.

Com o Medidor de vazão tipo turbina, por exemplo, o fluido se locomove no interior da tubulação do dispositivo e aciona o rotor, cuja velocidade de funcionamento está de acordo com a velocidade de deslocamento do líquido ou gás em questão.

Para uma calibração mais eficiente e ágil, esse equipamento dispõe de uma saída de pulso de alta frequência.

Ele é recomendado principalmente em procedimentos para contrato de fornecimento de gás natural.

Por estar disponível em diferentes diâmetros e economizar espaço, no entanto, ele também pode ser utilizado em outras atividades.

Pressostatos

O pressostato é um medidor muito preciso e eficiente utilizado na medição de diferentes substâncias.

pressurizador de agua, por exemplo, está presente em testes de diferencial para:

  • Filtros
  • Bombas
  • Trocadores de calor
  • Chillers
  • Fancoils
  • Válvulas

O processo acontece por meio de um sistema de automação ao qual está conectado a pressão do sistema de medição.

De acordo com que ela aumenta ou diminui em relação ao valor setado, o funcionamento do pressostato é ativado ou encerrado.

Além de ajustável e compacto, ele é indicado para o uso de variados meios, seja óleo, fluido de ar ou água.

Outra função do Pressostato diferencial para água é indicar o status de sistemas de bombas e filtro, por exemplo, e ele também pode ser instalado na central de trocadores de calor, como o ar condicionado, de modo a importar e exportar o texto de fluxo de líquido.

Dessa forma, é possível detectar a pressão diferencial na passagem da substância e compará-la com os valores estabelecidos para o maior rendimento, oferecendo o controle total e preciso do fluxo, que não sofre interferências externas durante o procedimento.

Entre suas principais características técnicas gerais, estão:

  • Tensão máxima de 220V
  • Corrente máxima de 3A
  • Contato normalmente aberto ou fechado
  • Diferencial da água de 20KPa a 300KPa
  • Pressão estática máxima de 16bar
  • Grau de proteção IP54

Termômetros

Toda casa tem um termômetro, pois é importante realizar a medição de temperatura em diversos casos.

Na demanda industrial, esse procedimento também é extremamente necessário, de modo que o termometro digital é recorrente no setor.

Isso porque seu desempenho é mais funcional e preciso, sem falar na praticidade que esse dispositivo confere.

A medição de temperatura realiza por ele é muito eficaz quando comparada a outros métodos disponíveis, como a convencional medição por mercúrio (essa que utilizamos em casa).

Existem diversos tipos e performances para os termômetros, em especial os digitais, pois eles contam com vantagens que fazem toda a diferença. Sabia que é possível medir a temperatura de objetos até mesmo à distância?

Estamos falando do Termômetro digital infravermelho, que tem sido cada vez mais utilizado.

Assim que o calor infravermelho disparado pelo medidor é focado sobre um detector, a energia gerada pode ser transformada de forma a apresentar valores de temperatura precisos e confiáveis.

Com leitura em formato digital, o âmbito de erros é quase nulo e a interpretação se torna muito mais dinâmica e intuitiva.

Além disso, existem diversos tamanhos e modelos disponíveis no mercado atualmente, inclusive em versões compactas e simples de serem levadas para qualquer lugar.

Entre as principais vantagens desse dispositivo, além das já mencionadas, estão:

  • Rigor máximo
  • Precisão durante testes
  • Aplicabilidade em diferentes setores
  • Medição a distância
  • Medição em movimento
  • Recursos avançados
  • Uso em autoclave industrial

O mais importante é utilizar equipamentos de qualidade, garantindo a precisão prometida e o alcance dos resultados desejados.

Isso vai assegurar procedimento corretos e uma linha de produção mais otimizada, ágil e dinâmica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *