3 itens que você precisa conhecer utilizados na indústria

A indústria é um dos principais setores nacionais, uma vez que, por meio dela, saem diferentes tipos de produtos, que são comercializados Brasil a fora.

Neste sentido, cabe ressaltar a importância de alguns itens que intermediam – mesmo que indiretamente – a produção de inúmeros materiais e insumos.

Assim sendo, maquinários como o inversor de tensão, por exemplo, entram na lista dos itens primordiais e mais utilizados no âmbito industrial, uma vez que atua diretamente na regulagem da tensão elétrica que alimenta os demais equipamentos da indústria.

Ou seja, cada item, por menor que seja, é responsável por desencadear todo um funcionamento acerca da indústria, garantindo, assim, a produtividade de cada setor.

Partindo desse ponto de vista, resolvemos criar um conteúdo completamente exclusivo com 3 itens utilizados na indústria que você precisa conhecer. Continue com a leitura logo abaixo.

1. Inversora de solda

Embora tenha uma nomenclatura semelhante ao item já citado acima, a inversora de solda bivolt possui funções diferentes no âmbito industrial.

Este tipo de equipamento já é muito utilizado, pois é capaz de soldar diferentes tipos de superfícies e produtos.

Antigamente essa ferramenta era uma caixa pesada, que fazia muito barulho e soldava somente um tipo de eletrodo.

Atualmente, as inversoras têm funções completamente especiais, que fizeram elas se popularizarem no mercado, visto que são as melhores máquinas de soldagem.

Por sua vez, a maquina de solda é utilizada no processo de soldagem de eletrodos revestidos. Muitos acreditam ser uma atividade simples, mas não é.

O  fato é que está enganado quem acha isso, já que esse tipo de solda é, na verdade, um procedimento que exige muita técnica.

Veja algumas dicas que influenciam a soldagem com este tipo de equipamento:

 

  • Conhecer a amperagem correta;

  • Saber a altura do arco;

  • Achar o ângulo do eletrodo;

  • Velocidade de avanço;

  • Desenho do tecimento no cordão.

 

Deste modo, a inversora acaba sendo uma mão na roda até para os serviços de soldagem mais minuciosos. Sendo assim, com mão de obra qualificada, o maquinário tende a ser o melhor possível.

2. Ímã

No mercado industrial, é muito comum a utilização de barra de imã, justamente em situações que necessitam do magnetismo para reter partículas e impurezas ferrosas a fim de purificar um determinado produto.

O item parece simples e de pouco valor, mas na indústria os ímãs são de extrema importância.

O ferromagnetismo que compõe uma barra de imã atua como um campo magnético em toda a extensão da barra, uma vez que retém qualquer partícula de ferro em meio aos materiais, como granulados, produtos em pó, líquidos, massas, dentre outros.

Para entender o funcionamento do imã é preciso ter em mente que ele possui dois pólos diferentes, o positivo e negativo. Ambos são classificados como norte e sul.

Quando aproximados, os dois pólos se atraem, mas se repelem quando são iguais.

Existem diversos modelos de barra de imã, podendo ter seção quadrada, circular ou retangular, com comprimentos de 50 a 2000mm e ainda apresentar furos roscados para:

 

  • Parafusos;

  • Eixos;

  • Suportes;

  • Ganchos;

  • Entre outros.

 

Cabe destacar que um dos segmentos que mais usam a barra de ímã é a indústria alimentícia, com o objetivo de retirar impurezas ferrosas da matéria prima (alimento) evitando contaminação do produto final.

A barra magnética é muito eficiente e tem ótimo custo benefício, sendo ainda resistentes às altas temperaturas, meios agressivos e produtos de origem química.

3. Inversor

Assim como foi mencionado lá no começo do texto, o inversor de frequencia ou tensão é um dos maquinários de maior destaque acerca da indústria. Isso porque motores elétricos são usados em uma série de aplicações e muitas vezes há a necessidade de controlar sua velocidade.

Neste sentido, o inversor entra como um divisor de água, pois faz com que o motor comece a funcionar regularmente, sem danificar qualquer componente da máquina.

Ainda por cima, ao controlar a tensão oriunda do poste de energia elétrica, equipamento reduz o consumo, promovendo mais economia para o bolso do gestor da indústria que o utiliza.

No caso dos motores, o inversor evita reações bruscas, mantendo a vida útil das máquinas, inviabilizando eventuais manutenções.

Sendo assim, o equipamento promove o maior lucro e funcionamento de todos os maquinários do setor industrial.

Portanto, a nossa lista com 3 itens utilizados na indústria que você precisa conhecer chegou ao fim.

Lembrando que, se bem usados, todos os produtos mencionados podem otimizar e, ao mesmo tempo, agilizar os processos de produção na indústria, garantindo mais lucro, segurança e economia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *